St. Lawrence

A badalada St. Lawrence Gap


Quem passa por essa rua tranquila e bonita, na beira do mar, não faz ideia do que acontece entre o pôr e o nascer do sol. The Gap, como é chamada pelos bajans (locais), tem bons restaurantes, bares e as melhores baladas de Barbados.

Alerta! Barbados exige quarentena de 14 dias ao chegar a ilha, sem importar a origem. A ilha se declarou livre do vírus em junho.

Nota do editor: aqui no Territórios, nossa prioridade é fornecer aos leitores as informações necessárias para tomar decisões sobre viagens, além de inspiração e conhecimento. Este não é o melhor momento de viajar para fora do Brasil, mas pode ser agradável planejar uma viagem futura ou aprender algo lendo nossas experiências. Continue conosco!

O texto continua após os serviços recomendados no destino.

Leia todos os artigos sobre Barbados

AGILIZE SUA VIAGEM
Falta reservar hotel? Saiba onde nos hospedamos na ilha

Lembre do seguro viagem! Pegue o cupom de desconto

Leve o chip internacional com Internet desde o Brasil

Dê a volta na ilha de carro

Quer agendar passeios e transfer agora? Use a Get Your Guide ou saiba como funciona

St. Lawrence Gap em frente ao meu hotel
St. Lawrence Gap em frente ao meu hotel

St. Lawrence Gap

Carcaça de baiacu é souvenir por lá
Carcaça de baiacu é souvenir por lá

A rua é diferente das outras, logo no início tem seu nome em grandes letras direcionando para um curva onde o astral muda, uma avenida movimentada dá lugar a uma praia de mar azul claro transparente com barraquinhas vendendo souvenires e artesanato. Do outro lado vários restaurantes oferecem comida mexicana, mediterrânea, italiana, asiática e até o nosso churrasco. Quando a rua parece acabar em uma igreja anglicana, uma nova curva e mais opções, aqui começam os clubes e bares com música ao vivo e Dj’s. Do reggae ao rock, passando pelo pop, tem para todos os gostos de quem não se importa com o volume no máximo. Os bajans adoram música alta.

Entrada da rua
Entrada da rua

Foi em St. Lawrence Gap que passei as oito noites em Barbados, mas não só fazendo festa! Afinal não sou de ferro e sempre levantei cedo para aproveitar o dia. Me hospedei no Yellow Bird Hotel, localizado no início da rua, e aproveitei um pouco desse agito. É perfeito para quem gosta de curtir a noite, nem precisa se preocupar com o transporte, pode beber todas e voltar a pé.

The Old Jamming Inn

Na primeira noite, dei apenas uma caminhada para sentir o clima e já gostei. Era sábado e fiquei encantada com a beleza das pessoas e a super produção das mulheres. Na segunda noite, chamei os amigos (estavam em outros hotéis) e fomos tomar cerveja bajan curtindo um show de Reggae no THE OLD JAMMING INN. É bem agradável, tem ambientes na rua e salas internas com bar e pista de dança tocando outros ritmos.

Bar de reggae com música ao vivo
Bar de reggae com música ao vivo

MCBrides

Na quinta-feira, considerada a melhor noite, fomos jantar no pub irlandês MCBRIDES. Casa grande com vários ambientes, mesa de sinuca e comida boa. Ainda era cedo e estava tudo calmo, mas por pouco tempo, o lugar logo encheu assim como todos os bares da rua.

Interior do restaurante McBrides
Interior do restaurante McBrides

 

Placa na rua chama as mulheres para festa
Placa na rua chama as mulheres para festa

Fachada da boate Sugar
Fachada da boate Sugar

Sugar Ultra Lounge

Este foi o dia da balada, caprichamos na produção e fomos para o Sugar Ultra Lounge, uma das melhores boates da ilha. A maior diferença para as boates que já fui é ser totalmente aberta, de fora não parece, tem a porta de entrada e um muro alto, mas por dentro apenas os bares e áreas vips são cobertos. Muito bom ver aquele jogo de luzes nas pessoas dançando e as estrelas como teto. A música é pop dançante ao estilo Rihanna, ela é bajan e idolatrada por lá. Sinta o clima no vídeo que gravei esta noite.

Moonbay Bar & Grill

Todos os dias tomei café da manhã com uma bela vista no MOONBAY BAR & GRILL, o restaurante do hotel. Fica aberto ao público durante todo o dia até o jantar. Também aproveitei os coquetéis na beira da piscina.

Dj e área vip na Sugar
Dj e área vip na Sugar

Tome Nota St. Lawrence Gap

Quando ir: tem movimento todas as noites com destaque nas quintas e sábados.

Onde fica St. Lawrence Gap: no sul da ilha, em Christ Church. Quem vem pela rodovia principal de Worthing fica em frente ao posto policial. Brasileiros que vão em direção a Bridgetown encontram fácil, pois quase na entrada tem um prédio verde com o letreiro Brazilian Steak House. A van número 11 chega lá e custa 1 dólar.

Faça a reserva de hotel em Christ Church no Booking.

A praia tranquila durante o pôr do sol
A praia tranquila durante o pôr do sol
Guia 8 noites em Barbados

ROTEIRO PRONTO EM BARBADOS
Para mais informações e ver todo o conteúdo do Barbados organizado para ler quando e onde quiser, compre o Guia 8 noites em Barbados. São 45 páginas com fotos, mapa personalizável, relatos e dicas exclusivas.

Essa viagem foi parcialmente patrocinada pelo Visite Barbados e alguns serviços no destino.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

INICIAL » BARBADOS » A badalada St. Lawrence Gap
Roberta Martins

Roberta Martins

Comunicadora, criadora de conteúdo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 14 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e aventura. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta