5 dias nos cânions do sul


Ainda não tenho noção de quanto tempo seria o suficiente para explorar os 64 cânions da região dos Aparados da Serra. Já  fui algumas vezes e sempre descubro que ainda tem mais para ver. Eles começam (ou terminam) nas cidades de Cambará do Sul e São José dos Ausentes (RS) e continuam por Praia Grande, Urubici e outros municípios de Santa Catarina. Deixo a sugestão para fazer a Rota dos Canyons.

quero dicas do Brasil
Aventureiros na Trilha do Rio do Boi, o destaque da Rota dos Canyons
Aventureiros na Trilha do Rio do Boi

Rota dos Canyons: roteiro de 5 dias

Nesses cinco dias deu para passear pelo básico de Cambará do Sul e experimentar algumas aventuras de Praia Grande no itinerário preparado especialmente pela Rota dos Canyons para o Adventure Bloggers. Excelente hospitalidade, gastronomia e adrenalina são as palavras chaves do roteiro.

No interior do Cânion Malacara
No interior do Cânion Malacara

1º Dia – Malacara e Praia Grande

Partindo de Porto Alegre, foram 4 horas de estrada até Praia Grande. Começamos logo pela culinária, com um bom bife com fritas, arroz e feijão no Restaurante Malacara, para garantir a energia na primeira aventura. No início da tarde entramos na fenda do Cânion Malacara, uma trilha de dificuldade média pelo leito do rio até piscinas naturais que renderam um banho revigorante. E terminamos o dia jantando na Cabanas Magia das Águas (atual Costão da Fortaleza).

Grilo sinistro
Grilo sinistro

2º Dia – Interior do Itaimbezinho

Café da manhã reforçado para enfrentar a trilha mais difícil do roteiro no interior do Cânion Itaimbezinho – a trilha do Rio do Boi. Foram oito horas de caminhadas em terreno irregular, apreciando a paisagem, atravessando o rio, tomando banho de cachoeira e tentando não pisar nas aranhas, grilos e tantos outros moradores do local. Desafio vencido, celebramos com comidas típicas no Café Rural logo na saída do parque.

Mais uma trilha na minha lista - Trilha do Rio do Boi
Mais uma trilha na minha lista – Trilha do Rio do Boi
Pratos elaborados no Parador
Pratos elaborados no Parador

3º Dia – Panorâmica dos Cânions e Cambará do Sul

Começamos com uma bela vista e canto dos pássaros no café da Pousada Aracema. Depois um passeio de carro e vários cânions vistos de baixo como cenário. Uma grande muralha de até 1100 metros que limita a divisa dos dois estados. Em baixo Santa Catarina e em cima Rio Grande do Sul. Muito verde, plantações, pássaros e centenas de araucárias pediam fotos o tempo todo. Pela tarde subimos a serra, por uma estrada de terra, em direção a Cambará do Sul e aproveitamos o resto do dia caminhando pelos nos Campos de Cima da Serra com direito à brindar o pôr do sol. De noite um jantar em alto estilo no Parador Casa da Montanha.

Praia Grande é destino da Rota dos Canyons
Panorâmica dos cânions
Carnes e queijos divinos
Carnes e queijos divinos

4º Dia – Cânion Fortaleza

E as trilhas continuam pelas bordas do Cânion Fortaleza, o mais bonito da cidade, na minha opinião. Foram três caminhos em campo aberto e atravessando a cachoeira do Tigre Preto até o início da tarde. O almoço foi tradicionalíssimo no Galpão Costaneira e o resto do dia ficou reservado para aproveitar o conforto que o Parador Casa da Montanha oferece.

Campos de Cima da Serra - Fortaleza
Campos de Cima da Serra – Fortaleza

5º Dia – Cânion Itaimbezinho

Nosso último dia passou rápido, fomos trilhar as bordas do cânion mais famoso e apreciar as paisagens exclusivas do Itaimbezinho. Paredões de até 900 metros de altura que parecem cortados por faca. E lá embaixo ver o caminho que percorremos no segundo dia, daqui parece fácil caminhar naquelas pedrinhas. Teve mais uma refeição top no Parador Casa da Montanha e de volta à Porto Alegre.

O mais conhecido dos cânions brasileiros
O mais conhecido dos cânions brasileiros
O badge Adventure Bloggers Rota dos Canyons dentro do Itaimbezinho
O badge Adventure Bloggers dentro do Itaimbezinho

Acompanhe nos próximos dias posts detalhadas sobre o Adventure Bloggers e atrações dos Aparados da Serra.

Tome Nota Rota dos Canyons

Todas as roupas, calçados e equipamentos para essas aventuras tem na loja Território Mountain.

Leias minhas dicas sobre o que vestir nos Aparados da Serra.

Rota dos Canyons é o receptivo que organizou todo o roteiro. Fale com Guilherme.

Essa viagem foi patrocinada.

Fotos de Leandro Gabrieli e Roberta Martins.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Você está em INICIAL » BRASIL » RIO GRANDE DO SUL » CAMBARÁ DO SUL » 5 dias nos cânions do sul
quero dicas do Brasil

Roberta Martins

Comunicadora, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 15 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e aventura. Saiba mais na página da autora. Encontre no Instagram

4 Comentários

  1. Pingback: Cânions do Rio Grande do Sul - Colecionando Ímãs

  2. Olá Andreia
    Alguns passeios exigem guia outros não. Recomendo a agência Rota dos Canyons que organizou minha última viagem para lá. Fale com Guilherme http://www.rotadoscanyons.com.br ou clique nos links do rodapé do texto, onde diz Parceiros. Todos são empresas da região.

    Já fui mais de uma vez e adoro esses lugares.

  3. ANDREIA SANTOS Responder

    Boa trade
    Vi a materia sobre o blog hoje no Jornal do Comercio, e fiquei encantada com os lugares maravilhosos que sou vizinha sem nem ao mnoes os conhecer. Moro na cidade de Igrejinha e gostaria de saber como faço para conhcer estes lugares? Se preciso fazer um grupo, contatar uma agencia…?
    Aguardo!

  4. Ei Roberta,

    O passeio parece ter sido fantástico! Acompanhei as fotos pelas redes sociais e fiquei babando! Um dia ainda pretendo explorar a região.
    Parabéns pela iniciativa!

    Beijos,
    Lillian.

Deixe seu recado, escreva algo

Rotas para voar no RS agosto Sonhos