Uma tarde ensolarada de domingo convida a um passeio na Praça Coronel Pedro Osório, no centro de Pelotas. O principal atrativo é a Fonte das Nereidas, adquirida pela Companhia Hidráulica em um leilão na França e trazida para o abastecimento de água da época. Instalada no final do século 19 e restaurada em junho de 2003, exibe quatro nereidas – deusas da mitologia grega sobre cavalos. Leve o chimarrão e o cachorro, encontre os amigos e aproveite. Além do chafariz, vale prestar atenção às árvores seculares e aos prédios ao redor da praça, casarões históricos que fazem parte da cultura pelotense.

Read in English

Fonte das Nereidas

Fonte das Nereidas, Pelotas, Rio Grande do Sul - Brasil
Fonte das Nereidas, Pelotas, Rio Grande do Sul – Brasil

Para mais imagens de monumentos e estátuas veja:

Homenagem às mães em Pelotas

Cristovão Colombo em Buenos Aires

Passeio Zen em Cotia

Arquitetura clássica em Vicenza

Estátua de Simões Lopes Neto

Participe do Foto da Semana! Envie sua imagem pelas redes sociais ou para contato.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Author Lúcia Maciel

Revisora e tradutora do Territórios e empresária no Organize Sim. Sempre atenta às diferenças culturais sem deixar perder o sentido, às emoções e sentimentos relatados pelos viajantes.

Deixe seu recado, escreva algo

Pin It