Localizada há 55 minutos de avião da Cidade do México, Aguascalientes, capital do menor estado do país, revela muito mais do que o nome sugere. A origem remonta há quase 500 anos, com a descoberta das termais e reservas de ouro e prata. Se hoje as termais deixaram de figurar como ponto turístico, a cidade tem em sua arquitetura, no povo acolhedor de fala cantada e nos pratos típicos alguns dos principais atrativos aos viajantes. Outra atração é a Feria de San Marcos, considerada a maior feira agroindustrial e de folclore do México.

Read in English

O texto continua após os serviços recomendados no destino.

Leia todos os artigos sobre o México

AGILIZE SUA VIAGEM
Lembre o seguro viagem! Pegue o cupom de desconto

Leve o chip internacional com Internet desde o Brasil

Pretende alugar um carro? Pegue as dicas para fazer a reserva

Quer agendar passeios e transfer agora? Use a Get Your Guide ou saiba como funciona

Catedral Basílica
Catedral Basílica

Aguascalientes

Por Carol Leal ℹ︎

As opiniões expressas pelos viajantes colaboradores são próprias e nem sempre refletem o pensamento do Territórios. Conheça a autora ou deixe um comentário.

Acesso rápido: Impressões | Roteiros | Como chegar | Onde dormir | Compras | Dicas | Por onde começar

Das igrejas belíssimas às ruas e prédios restaurados, Aguascalientes representa uma volta no tempo. Com uma arquitetura de influências barroca, neoclássica e art nouveau, o centro histórico conserva as mesmas edificações baixas dos séculos passados. Aliás, a maioria dos prédios na cidade de cerca de um milhão de habitantes possuem até três pavimentos.

Palácio do Governo, no Centro Histórico de Aguascalientes
Palácio do Governo, no Centro Histórico

3 roteiros em Aguascalientes

Roteiros para conhecer a cultura e a história de Aguascalientes.

Read in English

Palácio do Governo
Palácio do Governo

Roteiro 1

Comece pela Praça Da Pátria. É junto deste local que se localizam a catedral Basílica, o palácio do governo e o monumento à independência do país.

Catedral Basílica
Catedral Basílica

A Catedral, que teve sua obra iniciada em 1704 e inauguração em 1894, submeteu-se ainda a outras melhorias até os anos de 1950, como a construção das torres. De estilo barroco e neoclássico, é nesta igreja que se encontra a imagem da Virgem da Assunção, patrona da cidade.

Prédio civil mais antigo de Aguascalientes, construído no século XVII, o Palácio Do Governo, é aberto ao público, que pode circular pelos pátios internos compostos de 111 arcos e de inúmeros balcões e escadarias. Além disso, é possível conferir um pouco da história do país e do estado por meio dos murais distribuídos pelo espaço e pintados pelo chileno Oswaldo Barra Cunningham.

Interior do Palácio do Governo
Interior do Palácio do Governo

Inicialmente concebida para ostentar a estátua do rei espanhol Carlos IV, foi a imagem de seu filho Fernando VII que figurou na coluna comemorativa até o período da independência. Posteriormente, em 1896, passou a integrar ao monumento a figura da águia devorando a serpente, símbolo da bandeira mexicana. Ao longo do século passado, foram somados novos elementos arquitetônicos, conferindo, assim, maior importância à coluna e a praça.   

Roteiro 2

Rua Venustiano Carranza
Rua Venustiano Carranza

Uma das principais ruas do centro histórico e recentemente restaurada, a Venustiano Carranza sintetiza todo o espírito do começo do século, com casario de pitadas barrocas e neoclássicas, muitos jardins internos, fontes e luminárias rebuscadas. É no final desta rua que também se localiza outro importante roteiro da cidade: o jardim e o templo de San Marcos, origem do bairro de mesmo nome.

Porta do jardim de San Marcos
Porta do jardim de San Marcos

Roteiro 3

As origens do jardim e do Templo De San Marcos confundem-se com a própria história de Aguascalientes. Isto porque também foi a partir desse espaço que a famosa Feira de San Marcos surgiu há mais de um século e que ocorre anualmente, entre os meses de março e abril. Explore os caminhos do jardim e se encante com as diversas esculturas que homenageiam alguns dos personagens que fizeram parte deste lugar.  

Jardim de San Marcos
Jardim de San Marcos
Aguascalientes
Templo de Santo Antônio

Outros lugares que vale a pena visitar no centro histórico:

Rua Zaragoza, com o Templo de Santo Antônio, também restaurada recentemente.

Casa De La Cultura, mais importante centro cultural que tem uma programação que inclui cursos, exposições e shows. Fica no centro na rua Juan Domínguez 214.

Tome Nota Aguascalientes

Como chegar: Vim com o Aeroméxico num avião da Embraer de pequeno porte, direto da Cidade do México. Cerca de U$ 350,00 passagem ida e volta.

Há também diversas rodovias que levam à Aguascalientes. A rota 45 liga à capital do país, que fica a 504  km.

Onde ficar: Aguascalientes conta com hotéis para diversos tipos de bolso. Novo, o Marriot (Blvd. Aguascalientes-Zac, sem número Trojes de Alonso), está bem localizado, junto a um shopping center e restaurantes. Há outras sugestões mais em conta, como o Ibis Aguascalientes Norte, praticamente em frente ao Marriot.

Compras: Aguascalientes conta com complexo de shoppings centers, mas as melhores compras estão no centro histórico, principalmente de artesanatos, souvenires e peças feitas à mão. Circule entre as ruas do centro e aproveite os preços em conta.

Na rua Venustiano Carranza em Aguascalientes
Na rua Venustiano Carranza
Culinária mexicana+ Culinária Mexicana

Tome Nota 2

peso mexicano é a moeda oficial do país, sendo que com um real é possível comprar cerca de seis pesos mexicanos. Faça o câmbio no Brasil, pois é difícil encontrar a moeda brasileira na cidade. Em relação ao dólar a proporção é um por dez pesos. Em média, uma refeição para uma pessoa custa cerca de 50 pesos (cinco dólares).

Aguascalientes é considerado um dos últimos redutos seguros no México. Mesmo assim, sempre que for passear no centro, cuide de sua bolsa.

segurança no México é item importantíssimo. Não estranhe se tiver que abrir a mala na ida ou na volta de sua viagem, no aeroporto.Clima: Se depender do tempo, você vai aproveitar a cidade o ano inteiro, pois a chuva só aparece durante dois meses, no período do verão, sem comprometer qualquer passeio. O clima é agradável, média de 18 graus durante o ano. 

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Por onde começar a planejar a viagem

  1. Se já sabe, se inscreva dizendo para onde será a próxima viagem e receba dicas exclusivas por e-mail.
  2. Quando a data estiver definida, pesquise as passagens áreas ou aluguel de carro. Mas antes de finalizar a compra, faça o seguro viagem quase simultaneamente para ter eventuais cancelamentos cobertos, além de assistência médica e perda de bagagem.
    2.1 Avalie levar chip de celular e vá comprando a moeda aos poucos.
  3. Então monte o roteiro e vá fazendo as reservas de hospedagem e passeios conforme o tempo disponível.

A seguir deixo mais links sobre essa mesma região ou experiência.

^ Voltar início ^

Você está em INICIAL » MÉXICO » AGUASCALIENTES » Arriba, muchacho! Aguascalientes
Author Carol Leal

Jornalista, doutora em Ciências Sociais pela PUC-RS. Não se considera uma mochileira, mas nem tão pouco uma "piriguete dos embarques"... podemos dizer que planejamento e pechincha em viagens é com ela mesmo. Seis meses antes já tem tudo programado: da passagem reservada ao mergulho cultural para não fazer feio nas interações. Claro que isso não evitou uma série de "pagações de mico" e outras histórias hilárias, o que deu um tempero extra às diversas aventuras. Para Carol, viajar é como uma terapia... é um encontro com o auto-conhecimento, de vislumbrar novas sensações, experiências e amizades para toda a vida.

2 Comentários

Deixe seu recado, escreva algo

Chile aberto para brasileiros Rotas para voar no RS agosto