Minhas passagens pela Itália sempre foram expressas, mas desta vez, eu consegui ficar cinco dias em Milano, ou Milão para os brasileiros. Foi ótimo porque deu para conhecer um pouco mais além da Piazza Duomo.

Read in English

Atenção! A União Europeia não está permitindo a entrada de turistas provenientes do Brasil.

Leia todos os textos sobre a Itália

Nota do editor: Este não é o melhor momento de viajar para fora do Brasil, mas pode ser agradável planejar uma viagem futura ou aprender algo lendo nossas experiências. Continue conosco!

Itália é incrível para viajar de carro. Saiba o que precisa para alugar um no exterior

Agende tours, transfers e ingressos agora ou saiba como funciona

Piazza Duomo de Milano
Piazza Duomo

5 dias em Milano

Por Augustin Caceres ℹ︎

As opiniões expressas pelos viajantes colaboradores são próprias e nem sempre refletem o pensamento do Territórios. Conheça o autor ou deixe um comentário.

Cheguei a Milão em alto estilo, sendo recepcionado maravilhosamente bem pela minha cliente e amiga Marlene. Proprietária do melhor restaurante de carne argentina da Europa, ela não fez por menos. Já foi me apresentando a família, me levando para almoçar, me colocando em contato com o hotel Nhow, onde me hospedei. Tudo um espetáculo, companhias agradáveis e excelente comida.

Feirinha de antiguidades em Milano
Feirinha de antiguidades

Deu para conhecer de tudo um pouco. A gastronomia foi a melhor parte. Tudo o que se come na Itália é maravilhoso. Os sorvetes de Milão são deliciosos. Recomendo ir aos bares por volta das 7 horas da tarde, pedir por bebidas e saborear o buffet de petiscos típicos dos mais variados, sem custo adicional – um costume por lá.

Fusca milanese
Fusca milanese

Foi uma bela experiência alugar uma bicicleta e andar pela cidade que é toda plana, mas cuidado com o trânsito. Não há ciclovias. De qualquer forma, é uma opção para não usar o ineficiente transporte público ou os táxis que são caríssimos.

Em frente a Porta Romana
Em frente a Porta Romana
Samantha saindo da estação Duomo
Samantha saindo da estação Duomo

Em Milão, além da Galeria Vittorio Emanuele e da Piazza Duomo, com sua Catedral gótica espetacular, é imprescindível assistir alguma função do Teatro Scalla de Milão e passar pela estação Milano Centrale, uma das mais grandiosas que já vi.

A noite de Milão é como os milaneses: impessoal e individualista. Ninguém paquera ninguém, mas são todos muito bonitos e elegantes. Os lugares são muito chiques e da para ver um pouco deste povo italiano louco e adorável com seus problemas e super coração.

Interior da Estação de trem Milano Centrale
Interior da Estação de trem Milano Centrale

 SEGURO VIAGEM É OBRIGATÓRIO NA EUROPA

A Itália tem encanto e beleza inigualáveis e esta metrópole também está nesse contexto, apesar de ser a capital mais industrializada e poluída do país. Aproveite para curtir as opções que só as cidades grandes proporcionam e comer bem. Lembre-se que você está no país da culinária mais famosa do mundo. Em qualquer boteco, em qualquer estação de trem, peça o que for – tudo é bom! 

Bondinho e o trânsito
Bondinho e o trânsito

Tome Nota

Com Marlene no restaurante Don Juan
Com Marlene no restaurante Don Juan

Onde comer: vale a pena conferir o restaurante da Marlene para saborear o melhor da culinária argentina: Don Juan e no Dom Juanito, do chef Diego. Na Via Altaguardia, 2 Porta Romana.

Hotel em Milão: hospedar-me no Nhow How Hotel também foi um acontecimento. Arquitetura moderna, estilo criativo, com seus móveis contemporâneos e peças de mobiliário de designers famosos mundiais. Também vale a pena conferir.

RESERVE AQUI


Dica do Gellato – prove um sabor por dia e a viagem será muito mais feliz : )

+ Saiba como chegar no centro desde o aeroporto e que fazer durante uma conexão
Saguão do Nhow Hotel
Saguão do Nhow Hotel

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais. Fotos de Agustin Cáceres e Roberta Martins.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Por onde começar a planejar a viagem

  1. Se já sabe, se inscreva dizendo para onde será a próxima viagem e receba dicas exclusivas por e-mail.
  2. Quando a data estiver definida, pesquise as passagens áreas ou aluguel de carro. Mas antes de finalizar a compra, faça o seguro viagem quase simultaneamente para ter eventuais cancelamentos cobertos, além de assistência médica e perda de bagagem.
    2.1 Avalie levar chip de celular e vá comprando a moeda aos poucos.
  3. Então monte o roteiro e vá fazendo as reservas de hospedagem e passeios conforme o tempo disponível.

A seguir deixo mais links sobre essa mesma região ou experiência.

^ Voltar início ^

Você está em INICIAL » ITÁLIA » MILÃO » Milano Centrale: 5 dias na metrópole
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-italia-trem.jpg
Author Augustin Tomas o'Brien Caceres

Criado em uma família onde se falava espanhol, português, portunhol, italiolo e algo de inglês. Sempre se interessou por outros idiomas e hoje mora nos Estados Unidos e trabalha com comércio internacional na LE Group Industries. Siga no Linkedin

3 Comentários

  1. cmq belle anke quelle di milano, che cmq è una città bruttissima io preferisco roma qui in Italia tutti hanno paura di finire a milano

Deixe seu recado, escreva algo

Chile aberto para brasileiros Rotas para voar no RS agosto