Sarasota é um destino turístico lindo com ótimas praias e opções de lazer. Porém, como em toda cidade americana, você não faz nada sem carro e eu já estava cansado de dirigir, estacionamentos, etc… Resolvi então pegar ônibus e taxi. Não deu muito certo. Andar de ônibus sem saber os horários nos Estados Unidos, significa passar o dia em paradas e terminais desertos no meio de lugar algum a espera que algo aconteça, pelos menos antes de existirem os aplicativos.

Read in English

Atenção! Turistas provenientes do Brasil estão proibidos de entrar nos EUA devido à pandemia Covid-19.

Nota do editor: Este não é o melhor momento de viajar para fora do Brasil, mas pode ser agradável planejar uma viagem futura ou aprender algo lendo nossas experiências. Continue conosco!

Leia todos os artigos sobre os Estados Unidos
+Saiba onde nos hospedamos
+As estradas americanas são ótimas para alugar carro
+Economize tempo e não pague IOF comprando ingressos na Civitatis ou saiba como funciona

Sarasota

Por Augustin Caceres ℹ︎

As opiniões expressas pelos viajantes colaboradores são próprias e nem sempre refletem o pensamento do Territórios. Conheça o autor ou deixe um comentário.

A estátua do beijo "unconditional surrender" em Island Park
A estátua do beijo “unconditional surrender” em Island Park

 

Estação de ônibus
Estação de ônibus

Enquanto esperava em uma central de ônibus, maravilhosamente bem organizada diga-se de passagem, fui abordado por um dos únicos mendigos da cidade me pedindo ajuda. Ele estava com uma linda bicicleta azul dos anos 70. Ficamos batendo papo sobre ela e não lembro como foi feita a transação, mas comprei a mesma por 100 dólares e sai “lindo, livre e solto” percorrendo toda a cidade que revelou-se um lugar agradabilíssimo para ser percorrido em bicicleta apesar do calorão úmido.

O relevo é plano e o trânsito é tranquilo, então não cansa, é possível praticar o esporte e percorrer distâncias consideráveis. Uma boa parte de Sarasota tem vias para ciclistas e, como a grande maioria das cidadezinhas americanas, você pode deixá-la estacionada tranquilamente que ninguém vai mexer.

Agustin curtindo o verão em Sarasota
Com a bike recém comprada

O que fazer em Sarasota

Então aproveitei para visitar todos os pontos turísticos que mais me interessavam: as praias, o centrinho com as lojas e sorveterias, a estátua do beijo e o Museu do Automóvel. Este último é bem interessante, além dos clássicos como o Ford T, o calhambeque para fazer piquenique e aqueles classicões americanos, também comporta automóveis bem legais de ver, como as Mercedinhas do John Lennon e o automóvel original do filme “De volta para o futuro”, que foi feito todo em aço inox.

Calhambeque para fazer picnic
Calhambeque para fazer piquenique
Mercedinhas do John Lennon
Mercedinhas do John Lennon
"De volta para o futuro"
Carro do “De volta para o futuro”
Museu automobilístico do Daytona International Speedway+ Conheça o Museu do Automóvel de Daytona Beach

A estátua do beijo é uma das mais bonitas que já vi. Mereceria ser feita em bronze também. Há inclusive uma disputa entre a prefeitura de Nova Iorque e Sarasota pela posse da mesma, pois ela é única e representa aquela famosa fotografia de um soldado americano beijando a namorada enfermeira após voltar da Segunda Guerra Mundial. A fotografia é linda, a estátua mais ainda. É a principal marca de Sarasota.

Ciclovia da ponte em Sarasota
Ciclovia da ponte

O mais legal do passeio foi passar pela ponte John Ringling que liga o continente à praia de Lido Beach de bicicleta. É uma ponte longa e tem um aclive considerável. Passei de dia e à noite de bicicleta. A sensação é ótima e a vista também, principalmente na descida, com o vento e o visual.

Outro local interessante para conhecer é onde foi feito o filme “Grease – Nos Tempos da Brilhantina”. É uma escola pública e está lá do mesmo jeitinho que aparece no filme. Respondendo à pergunta do leitor, a escola onde foi filmado é atualmente o Sarasota Museum of Art e está localizado na 1000 S School Ave.

Escola onde rodaram o filme "Grease"
Escola onde rodaram o filme “Grease”

As praias Siesta Beach e Lido Beach

Sarasota encanta à primeira vista. Não é conhecida pelos estrangeiros, mas é um dos pontos turísticos favoritos para diversos americanos, especialmente os mais endinheirados. O balneário conta com ótima infraestrutura hoteleira, ótimos restaurantes, lojas de grife e é tudo muito limpo e organizado. A grande atração é a praia de Siesta Beach que é considerada a melhor praia americana. É uma boa praia, com areias brancas e mar calmo do golfo, ideal para passar o dia com as crianças, mas eu já vi praias muito mais bonitas em outros lugares dos Estados Unidos mesmo. Além dessa, tem a Lido Beach que é muito bonita também e onde tive a oportunidade de presenciar um pôr-do-sol no mar do golfo maravilhoso.

Vida noturna em Sarasota

Jantando com John e a esposa
Jantando com John e a esposa

E Sarasota também conta com uma vida noturna bem legal. No centro histórico há restaurantes e baladas de ótimo nível, além de diversos bares e restaurantes pitorescos e aqueles lugares simples só para comer um hambúrguer ou uma pizza de peperoni americana (tão bom!). A oferta de restaurantes é grande e muitos deles famosos. O John e a esposa dele, meus clientes, me levaram para jantar em um fantástico, ao som do Jazz.

Enfim, Sarasota é um ótimo destino para um veraneio com aquele toque de sofisticação que você só encontra em grandes cidades. Vá conferir!

Tome Nota

Como chegar a Sarasota: Localizada ao norte do estado da Flórida. Fica há apenas 2 horas de distância de Orlando de carro e 1 hora de distância de Tampa. A melhor opção para quem vai à Disney e quer aproveitar para pegar uma prainha.

Onde dormir: Hyatt Regency Sarasota muito moderno, bem chique e com uma piscina ótima. RESERVE AQUI!

Veja mais fotos de Sarasota:

Árvores e pôr do sol típicos da Flórida
Árvores e pôr do sol típicos da Flórida
Bar em Siesta Beach
Bar em Siesta Beach
Estátua famosa em Sarasota
Estátua famosa
Orla de Sarasota vista da ponte John Ringling
Orla de Sarasota vista da ponte John Ringling

Pôr-do-sol na Siesta Beach
Pôr-do-sol na Siesta Beach

Praia em Sarasota bom mesmo em dia nublado
Praia em Sarasota bom mesmo em dia nublado

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

INICIAL » ESTADOS UNIDOS » SARASOTA » Sarasota: praia, sol e bicicleta!
Author Augustin Tomas o'Brien Caceres

Criado em uma família onde se falava espanhol, português, portunhol, italiolo e algo de inglês. Sempre se interessou por outros idiomas e hoje mora nos Estados Unidos e trabalha com comércio internacional na LE Group Industries.

7 Comentários

  1. Angela Maria Graciani Responder

    Meu filho mora em Sarasota e vou duas vezes por ano visita-lo acho a cidade linda e perfeita vou ficar 20 dias lá. ..vai ser ótimo com as dicas…bjs.

  2. Gostei do seu relato sobre Sarasota. Minha filha reside nesta cidade e sempre que posso vou visita-la. É, de fato, uma cidade muito agradavel, limpa e muito arborizada. As pessoas são extremamente gentis e nos recebem muito bem. Amo Sarasota. Obrigada!

Deixe seu recado, escreva algo

Pin It