No passeio Macuco Safari

Foz radical


Quem conhece Foz do Iguaçu pode visitar 3 países em 1 dia ou em 3, como eu fiz. No encontro dos rios Iguaçu e Paraná é possível visualizar o triângulo com as bandeiras brasileira, argentina e paraguaia, cada uma em suas terras. O principal motivo da minha visita foi conhecer as cataratas e a natureza da região. Como tínhamos pouco tempo decidimos contratar um pacote. Começamos no PARQUE DA AVES, é super interessante, a gente entra nas enormes viveiros e pode chegar pertinho dos bichos, se tivermos sorte ou azar, eles pousar em nossos braços. A maioria das fotos tirei de dentro dos viveiros.

Read in English

Leia todos os artigos sobre o Paraná

Nota do editor: aqui no Territórios, nossa prioridade é fornecer aos leitores as informações necessárias para tomar decisões sobre viagens, além de inspiração e conhecimento. Este não é o melhor momento para turismo presencial, mas estamos compartilhando dicas que podem ser úteis em viagens essenciais que precise fazer.
De qualquer forma, pode ser agradável planejar uma viagem futura ou aprender algo lendo nossas experiências. Continue conosco.

Parque das Aves
Parque das Aves
Parque das Aves
Dá para chegar pertinho deles

Foz radical no Macuco Safári

O passeio mais legal foi o MACUCO SAFÁRI, entramos num bote/lancha inflável e enfrentamos a correnteza em direção às cataratas do lado brasileiro. Era assustador ver aquela quantidade imensa de água caindo em nossa direção e a lancha se aproximando muito rápido, apareciam redemoinhos enormes. Quando chegamos perto de onde tinha o maior volume de água caindo a umidade ficou intensa com uma névoa densa que deixava tudo molhado. Foi o banho no momento em que o bote mergulhou numa das cachoeiras. O bote estava cheio de japonês e foi aquela gritaria indecifrável. O motorista era radical, fazia manobras arriscadas e quando pensamos que não tinha mais correnteza ele fazia uma curva brusca, formando uma onda que vinha direto para cima da gente. O calor era tanto que o vento parecia um secador de cabelo. Nem precisei trocar de roupa, no final do passeio já estava seca.

Descubra qual o melhor passeio Macuco X Gran Aventura

Continuamos a correria do dia fazendo a trilha para chegar nas cataratas e ver do alto. O nível do rio estava 7 metros abaixo do normal e mesmo assim era muita água. Tem muito turista, mas é um passeio que todos devem fazer.

Também fizemos o passeio noturno em ITAIPU, maior hidroelétrica do mundo. Achei sem graça, estava tudo escuro e as luzes se acendiam. Os engenheiros que estavam conosco foram os que mais gostaram.

Cataratas vistas do lado brasileiro
Cataratas vistas do lado brasileiro

Tome Nota

Transporte: contratamos transfer pela internet e tudo correu bem, desde a rodoviária até os passeios.

Noite: CAPITÃO, no centro, com mesas na rua, comida mexicana e toda a vez que alguém pedia um certa bebida apareciam garçons com tambores e outros instrumentos, vestidos de mexicanos. Um carregava a bebida e taças em chamas. O bar parava, e lá estava a pessoa que pediu a tal bebida com um funil na boca e o garçom colocando a bebida e o fogo dentro do funil.

Restaurante: MEGA PIZZA, rodízio de pizza, de galeto, de batata frita e de sorvete, só de pensar fico mal. Mas era muito boa.

Hospedagem: FOZ PRESIDENTE HOTEL bom, simples e barato. No centro. Em duas outras oportunidades me hospedei no BELLA ITALIA HOTEL e gostei mais ainda. O café da manhã é excelente.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

INICIAL » BRASIL » PARANÁ » Foz radical
quero dicas do Brasil
Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 14 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta