Hoje trago uma experiência que eu ainda não tive, mas fiquei empolgada ao entrevistar Antonio Gavinho para o podcast Tesão de Ouvir. Na segunda temporada estamos conversando com pessoas com algum propósito quando viaja e o Antônio faz cicloturismo há mais de 25 anos. Ele adora sair pedalando em família, inclusive, tem uma agência que recebe turistas para tours em Portugal de bicicleta ou leva em excursões no mundo inteiro. 

Portugal exige teste negativo para Covid-19 ou certificado de vacina aprovado pelo Comitê de Segurança da Saúde da União Europeia, além de preencher formulário.

O texto continua após os serviços recomendados no destino.

Quer dirigir neste cenário? Pegue as dicas para alugar um carro no exterior

Compre ingressos, passeios e transfer agora na Get Your Guide, ou saiba como funciona

Os pontos mais interessantes da entrevista deixo escrito a seguir em português brasileiro, mas sugiro ouvir o episódio completo até para já ir se acostumando com o som do idioma nativo, afinal, Antonio é português. Coloque os fones, fique à vontade e aperte o play. Se gostou do tema ou já fez alguma viagem longa de cicloturismo deixe suas impressões nos comentários.

Durante a nossa conversa, Antonio Gavinho pincelou os lugares incríveis percorridos por ele de bicicleta como Marrocos, Tailândia, Patagônia e várias regiões da Europa, além do seu país. Então focamos no projeto que surgiu no início da pandemia e virou uma grande inspiração para fazer Portugal de bicicleta.   

Portugal de bicicleta

Com a drástica perda de clientes em 2020, Antonio resolveu, literalmente, dar a volta em Portugal de bicicleta com a família e quem quisesse acompanhar essa aventura de 6 semanas. Além de ser as férias de verão com a filha Joana e a esposa Elsa, ele aproveitou para explorar novos roteiros e inserir no portfólio do seu receptivo, Caminhos da Natureza.  

Estivemos junto ao mar, fizemos a costa da zona de Algarve, no sul, depois subimos toda a fronteira com a Espanha. Cruzamos o norte que é mais montanhoso até alcançar o Oceano Atlântico e depois percorremos a costa atlântica toda de Portugal passando pelo Porto até chegar a Lisboa. Foi 37 dias pedalando cerca de 6 horas diárias e 6 dias de descanso (sendo 1 dia por semana) somando 43 dias ao total.

Cicloturismo em Portugal: três ciclistas fazem pose em cidade turística
Antonio, Joana e Elsa nos primeiros dias de viagem

O objetivo da viagem não era só dar a volta, era mostrar os lugares mais bonitos, o que há de melhor em Portugal. Portando, cada etapa foi cuidadosamente planejada, desenhada quilômetro a quilômetro.” complementa Gavinho.

Embora pequeno, a diversidade em terrenos, paisagens e culturas é enorme proporcionando passeios para todos os níveis, desde o iniciante ao ciclista profissional. Ao percorrer o perímetro de Portugal, Antonio menciona os níveis de dificuldade destacadas em algumas regiões:

Todo o norte é muito mais montanhoso, mas curiosamente quando olhamos entre o litoral e o interior, o litoral norte é muito mais habitado e mais plano, portanto, muito mais fácil para pedalar. Já o litoral sul é muito mais difícil por ser mais selvagem, embora menos montanhoso, apresenta a natureza em seu estado puro. Localizado ao sul de Lisboa, são praias e falésias espetaculares com muitos sobes e desces.”  

Antonio, Elsa e Joana no final do cicloturismo
Antonio, Elsa e Joana no final da jornada
receba dicas da Europa por e-mail

Os lugares mais bonitos para pedalar em Portugal

Segundo Antonio, os lugares mais incríveis para pedalar em Portugal são Trás-os-Montes e o Parque Natural do Douro Internacional.

Trás-os-Montes fica no nordeste junto à fronteira com a Espanha e é uma das zonas menos habitadas do país. O Parque Natural do Douro Internacional segue o rio Douro dividindo os dois países e esse conheci durante uma viagem de carro e também considero o cenário mais bonito visitado em Portugal. 

A zona é fantástica com o rio muito encaixado na montanha, tem umas falésias com alturas incríveis de 700, 800 metros e muitos mirantes no caminho.” afirma Antonio.

Cicloturismo: Portugal de bicicleta em etapas

Para saber como foi cada etapa com fotos, acesse a página do projeto.

Comparando Portugal ao cicloturismo na Europa

Devido ao clima e localização geográfica, Portugal é um dos poucos países europeus onde pode praticar o cicloturismo o ano inteiro. Bem diferente dos países escandinavos onde a temporada é cerca de 2 meses. Por acaso, local onde conheci Antonio e Elsa pessoalmente e fiz um tour de bike

Antonio relata existirem países muito mais bem preparados quanto ao trajeto e sinalização demarcados. Portugal está bem atrasado nesse sentido, embora tenha havido uma grande evolução nos últimos anos. Por outro lado, existe uma cobertura de hospedagem de padrão médio a alto, atrativos históricos e culturais interessantes, além das belezas naturais por todo o território.

Nós conseguimos fazer esta viagem com grande conforto mesmo nas zonas rurais. Considerando que o melhor nem sempre é o mais caro ou mais luxuoso, o melhor é por ser mais bonito, ter o melhor o serviço, ambiente mais agradável e ser mais autêntico.”  

Agência de cicloturismo 

Qualquer pessoa pode alugar uma bicicleta e sair pedalando por aí, inclusive sozinho, mas o cicloturismo exige planejamento, muita pesquisa e organização do roteiro em mapas, o que pode ser bem difícil para quem não está acostumado ou não conhece o terreno. Então contratar um receptivo especializado pode ser a melhor opção. Além de entregar um roteiro pronto com explicação presencial do guia e organizar as reservas, buscam no aeroporto e ficam disponíveis para ajudar nos eventuais perrengues.

Para contratar os serviços de Antonio, acesse o site Portugal Nature Trails, está em inglês para o público estrangeiro em geral, mas ele passa todas as informações em português se entrar em contato. Um dos diferenciais são os tours autoguiados.

O que são tours autoguiados?

É a tendência para viagens independentes de cicloturismo. Além da liberdade de fazer quando quiser sem precisar entrar em grupos, são mais acessíveis economicamente e contam com todo o suporte do receptivo local. 

Antonio explica que Portugal Nature Trails entrega um livro com todas as informações e equipamento necessário para fazer a viagem, entre eles as bicicletas, um GPS e até chip local para entrar em contato com eles 24h. Eles acompanham a distância levando as bagagens nas hospedagens diariamente.

Bicicleta+ experiências de bike por aqui

Cicloturismo para iniciantes

Pessoalmente adoro os passeios de bicicleta e tento incluir sempre no roteiro, mas quando se trata de viajar de uma região a outra sou totalmente iniciante e não me sinto preparada. Então adorei a solução óbvia de Antonio que era esquisita para mim até ouvir a explicação:

Hoje em dia com bicicleta elétrica é muito mais fácil! Mas não é questão de liga e desliga como uma moto, é sempre assistida, ou seja, o motor não pedala por nós, ele dá um percentual de ajuda que pode ter vários níveis, mas se não pedalarmos, o motor simplesmente não funciona. Por exemplo, coloco no primeiro nível e tenho 25% de ajuda, tendo que me esforçar 75%.

Antonio sugere ser perfeito para viagens em grupos com diferentes níveis, o iniciante usa a bicicleta elétrica para acompanhar os companheiros e as reclamações de todos diminuem em prol do prazer da jornada.

Os requisitos mínimos para praticar cicloturismo são:

  • saber andar de bicicleta
  • não ser sedentário 
  • ter um mínimo de preparo físico conforme a distância e dificuldade do trajeto

Cicloturismo no Brasil

Para quem não tem planos de ir para a Europa, o cicloturismo vem crescendo muito no Brasil. Inclusive na minha cidade, Pelotas, mas o local que concentra a maior quantidade ciclistas do Rio Grande do Sul e oferece melhor infraestrutura é Lomba Grande. Região visitada por mim ano passado com tour de bike já relatado por aqui.

© Todos os direitos reservados. Fotos divulgação de Caminhos da Natureza.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Você está em INICIAL » PORTUGAL » Cicloturismo: Portugal de bicicleta (podcast)
Author Roberta Martins

Comunicadora, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 15 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e aventura. Saiba mais na página da autora. Encontre no Instagram

Deixe seu recado, escreva algo