Sim, Miami conta com praias lindas, uma noite divertida e diversificada, uma incrível – e bem conservada – arquitetura art déco dos anos 1930 e muitos, muitos brasileiros (somos os turistas que mais visitam a cidade da Flórida, seguidos pelos canadenses e alemães). Isso sem falar no forte apelo às compras exercido pelos inúmeros outlets instalados na região. Mas, Miami tem muito mais a oferecer. Longe da Ocean Drive, da areia, do mar, dos drinks em doses gigantes e dos shoppings, há uma localidade que vem investindo em cultura para recuperar áreas até então degradas: Wynwood.

Atenção! Turistas provenientes do Brasil são obrigados a fazer quarentena de 14 dias em algum dos países permitidos antes de entrar nos EUA devido à pandemia Covid-19.

Nota do editor: Este não é o melhor momento de viajar para fora do Brasil, mas pode ser agradável planejar uma viagem futura ou aprender algo lendo nossas experiências. Continue conosco!

Leia todos os artigos sobre os Estados Unidos
+ Saiba onde nos hospedamos
+ As estradas americanas são ótimas para alugar carro
+ Economize tempo e não pague IOF comprando ingressos na Civitatis ou saiba como funciona

Arquitetura art déco
Arquitetura art déco

Wynwood

Por Tatiana Gappmayer ℹ︎

As opiniões expressas pelos viajantes colaboradores são próprias e nem sempre refletem o pensamento do Territórios. Conheça a autora ou deixe um comentário.

Wynwood Walls, obra de Retna
Wynwood Walls, obra de Retna

É em Midtown Miami, mais precisamente na NW 2 Avenue e em seu entorno, que ficam as cerca de 40 galerias de arte, lojas de design e antiguidades e bares e restaurantes que fazem de Wynwood o Distrito das Artes. Com uma arquitetura que se diferencia dos setores mais turísticos, marcada fortemente por amplos galpões que remetem a sua origem industrial, foi a partir de 2009 que o bairro passou por melhorias, recebeu seu nome atual e começou a atrair os interessados nas mais distintas manifestações artísticas.

ENCONTRE HOTEL NESSE BAIRRO

Loja e galeria
Loja e galeria
Inscrição para receber dicas da América do Norte por e-mail

O lado artístico de Miami

Fim de tarde nas galerias e arco-iris
Fim de tarde em Wynwood, galerias e arco-iris

O mais interessante da área é a forma convidativa e sem frescura com que as pessoas se relacionam com os espaços de exposição. Muitas das galerias lembram boates com música eletrônica rolando e bar vendendo bebidas e outras com lojas super transadas, com decorações, pinturas e grafites que tornam cada uma delas únicas. Além de aproximar público e artistas, o despojamento permite apreciar desde nomes como Andy Warhol e Roy Lichtenstein a tatuadores que levam seu traço para as telas e as comercializam lado a lado com monstros sagrados das artes. Um passeio pela região possibilita também conhecer novos artistas, como Nick Gentry, que expôs, até o começo de maio deste ano, na Robert Fontain Gallery, a mostra Xchange, na qual cria retratos impressionantes de pessoas utilizando disquetes, raios-x e negativos de filmes fotográficos.

Wynwood Walls, obra de Ryan McGinness
Wynwood Walls, obra de Ryan McGinness

Porém, a arte não fica restrita aos galpões: muros, paredes e fachadas são dominadas pela street art, trazendo cor e vida às ruas do bairro. Em Wynwood Walls, um dos maiores espaço abertos do mundo para o grafite, é possível ver o trabalho dos brasileiros Os Gêmeos, da japonesa Aiko e dos americanos Retna, Ryan McGinness e dos irmãos Raoul e Davide Perre (How e Nosm), por exemplo, reunidos em um mesmo lugar.


Eris and the Golden Apple por Danny Doya

+ Conheça o distrito das artes de West Palm Beach
Obra de Aiko
Obra de Aiko
Bar em Wynwood
Bar em Wynwood
Bar dentro do Wynwood Walls
Bar dentro do Wynwood Walls

Se o bairro por si só já merece uma visita, no segundo sábado de cada mês ele fica ainda mais atrativo. É nesse dia que acontece a Gallery Walk, com shows de música, apresentações de dança e abertura de exposições. Conforme a noite vai caindo, artistas vão ocupando as esquinas, transformando-as em palcos ao ar livre. Para complementar o cenário, vários Food Trucks de Miami reúnem-se em um terreno na própria NW 2 Ave. oferecendo os mais variados tipos de comida: italiana, mexicana, vegetariana e até mesmo uruguaia e argentina, com deliciosos choripans. Para a sobremesa, e fechar com chave de ouro o passeio, recomendo o bolo no palito do Sugar Rush.

Movimentação no fim de tarde no Wynwood Walls
Movimentação no fim de tarde no Wynwood Walls

Tome Nota Wynwood

Como chegar: a maioria prefere alugar um carro na cidade, mas o transporte público funciona super bem. De Miami Beach, pode-se pegar os ônibus das linhas 120, C ou 3 e descer na Biscayne Boulevard com a NE 36 Street. O ideal é ir de dia, pois não há muitas pessoas circulando a pé pela região. De táxi, saindo também de Miami Beach, a corrida custa cerca de 20 dólares.

ALUGUE CARRO NA RENTAL CARS

Onde comer: Para ver a movimentação do bairro, uma boa pedida é comprar um café ou suco natural no Panther Coffee e ocupar uma das mesas coletivas ou da rua.

Wynwood Walls: O local fica aberto de 4ª feiras aos sábados, com entrada gratuita das 12h às 20h.

Mais informações sobre o Distrito das Artes. 

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Você está em INICIAL » ESTADOS UNIDOS » MIAMI » Wynwood, o lado artístico de Miami
Author Tatiana Gappmayer

Tatiana Gappmayer Jornalista, cinéfila, apaixonada por mapas e livros de arquitetura e mochileira. | Siga no Instagram

1 Comentário

  1. Agustin Tomas Caceres Responder

    Vale ressaltar que todos os segundos sabados do mes, ha o Wynwood Art Walk das 7 as 10 da noite com muita gente na rua visitando todas as galerias, onde ha cocktails e muito mais. Bem divertido.

Deixe seu recado, escreva algo