O texto continua após os serviços recomendados no destino.

AGILIZE SUA VIAGEM
Fique de olho nas promoções de passagem aérea

Custa quase nada fazer o seguro viagem nacional

Acesso rápido: Últimas notícias | As praias | Mergulho | Como circular | Tours | Dicas | Por onde começar

Um novo jeito de consumir em Fernando de Noronha

Uma inovação promete minimizar a necessidade de sacar dinheiro e fazer pagamentos. A partir de 15 de agosto, todo turista que desembarcar na ilha vai ganhar uma pulseira para poder fazer compras sem precisar de conexão o tempo todo, apenas para inserir crédito via PIX ou cartões. Com a pulseira carregada poderá efetuar pagamentos de produtos e serviços em locais cadastrados como pousadas, transporte, restaurantes e atrações. No final da estada, o viajante deve devolver a pulseira ou pagar R$ 20 para levar como lembrança.

A pulseira não é obrigatória ou tem taxa extra. 

Protocolos para visitar Fernando de Noronha 

  • Pagar a taxa de Preservação Ambiental de R$ 79,20 por dia (2021). Deve ser paga por todos os turistas antes de desembarcarem na ilha. Serviço somente via site SouNoronha.com.
  • As restrições e protocolos para turistas mudam com frequência e sugiro ir acompanhado e revisar antes da data da partida. Atualmente é assim:
    • Apresentar o resultado de um teste RT-PCR (do nariz e da garganta) para Covid-19 feito até 48 horas antes do embarque;
    • Se já teve Covid-19 entre 20 e 90 dias antes do embarque basta comprovar o exame ou teste comprovando, sem precisar fazer um novo.
    • Pode ser escolhido para um novo exame antes de deixar a ilha. Será feito um sorteio automático de 30% dos passageiros de cada voo ou embarcação que chega à Ilha. As pessoas sorteadas vão precisar fazer um novo teste RT-PCR. 

^ Voltar início ^

Tours e experiências

A partir daqui o texto original é de 2010, mas ainda válido

Fernando de Noronha

Por Vanessa Brentano ℹ︎

As opiniões expressas pelos viajantes colaboradores são próprias e nem sempre refletem o pensamento do Territórios. Conheça a autora ou deixe um comentário.

Read in English

Não há uma megaestrutura em Fernando de Noronha, pelo contrário é tudo bem rústico, mas quem se importa com conforto em meio ao um paraíso natural de praias exuberantes?! A ilha é relativamente pequena, a estrada que a cruza tem 7 km  de extensão. Na maior parte do tempo a vegetação é seca devido as altas temperaturas e baixo índice de chuvas.

Vista aérea
Vista aérea
Fenda como acesso à praia
Fenda como acesso à praia

As praias de Fernando de Noronha

Para conhecer as praias, optamos por fazer trilhas já inclusas no nosso pacote de viagem. Achei bem proveitoso, deu para curtir e ver tudo com calma, já os passeios de jipe são mais cômodos, porém com paradas rápidos.

Trilhas pela ilha de Fernando de Noronha
Trilhas pela ilha
Praia do Sancho
Praia do Sancho

Conhecemos lugares incríveis através das trilhas como a Praia do Sancho, onde o acesso é difícil porque é preciso descer para a beira da praia passando no meio de uma fenda nas pedras e descendo uma espécie de escada de  bombeiros, mas vale a pena, pelo menos para os magrinhos é fácil! É uma das praias mais bonitas que já visitei!

Projeto Tamar
Projeto Tamar

A Praia do Sueste é um lugar cheio tartarugas, inclusive no dia em que visitamos estavam sendo catalogadas pelo projeto TAMAR. É obrigatório alugar um colete salva-vidas para entrar no mar, pois deve-se evitar remexer com os pés ao fundo para não atrapalhar os animais.

Praia do Leão, em Fernando de Noronha
Praia do Leão

A Praia do Leão é lindíssima, porém, pelo menos na época do ano e horário da maré que conheci, o mar estava um pouco agitado, mas a água é de um tom azul inacreditável!

Piscina de Atalaia
Piscina de Atalaia

A Piscina do Atalaia é uma piscina natural, rasa e bem controlada pelo IBAMA, tem horário para visitas dependendo da maré, não é permitido utilizar protetor solar, só pode mergulhar por 30 minutos e também não pode remexer no fundo, é considerada um berçário. Vi de tudo, desde tubarões pequenos, polvos, lulas até peixes de todas as cores e tipos!

ENCONTRE POUSADA NA ILHA

Mergulho com cilindro

Batismo em Fernando de Noronha
Batismo

Fiz meu primeiro mergulho com cilindro, afinal se estou no lugar considerado um dos melhores para o mergulho, não podia perder essa oportunidade. Desci  até 10 metros de profundidade, claro que o tempo todo com o auxílio do instrutor, senti um pouco de pressão nos ouvidos, mas equalizando conforme fui instruída, logo aliviava. A sensação é de contato íntimo com a natureza pelo silêncio e ausência de humanos por perto, indescritível.

O melhor lugar para o mergulho livre é no porto, onde tem um navio encalhado deixando a fauna marinha belíssima.

Como circular em Fernando de Noronha

Durante as trilhas, também visitamos praias boas para o surf como a Cacimba do Padre e Conceição. Teve um final de tarde que curtimos o pôr do sol no Forte do Boldró, foi muito alto astral ver toda galera lá em cima, assistindo ao espetáculo e ainda aproveitamos as tendas para tomar uma cervejinha, pois há um bar bem legal nesse lugar!

Curtindo o pôr do sol
Curtindo o pôr do sol

Para se locomover na Ilha optamos por andar de ônibus, na verdade, são micros que passam nos pontos com intervalos de 30 minutos. O preço é bem em conta, outra opção seria alugar um buggy, o que achamos um pouco pesado para o nosso orçamento, em torno de 90 reais a diária.

Praia Cacimba do Padre, em Fernando de Noronha
Praia Cacimba do Padre

Tome Nota

Restaurantes: Ousadia, um buffet a quilo bem em conta. Também o Flamboyant e Tom Marrom que tem um peixe na folha de bananeira  delicioso.

Pra fazer passeios e trilhas, procure a Agência da Atalaia lá na ilha mesmo, fica na Vila 30. Para as trilhas não esqueça de andar sempre de tênis e levar água e protetor solar.

Leve sempre nos passeios os pés de pato e snorkel, são importantes, pois em praticamente todas as praias a atração é o mergulho. Em cada uma delas é possível enxergar peixes e animais marinhos diferentes. É fácil alugar por lá mesmo.

Restaurante Tom Marrom
Restaurante Tom Marrom

Fotos de Eduardo Masiero e Vanessa Brentano.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Por onde começar a planejar a viagem

  1. Se já sabe, se inscreva dizendo para onde será a próxima viagem e receba dicas exclusivas por e-mail.
  2. Quando a data estiver definida, pesquise as passagens áreas ou aluguel de carro. Mas antes de finalizar a compra, faça o seguro viagem quase simultaneamente para ter eventuais cancelamentos cobertos, além de assistência médica e perda de bagagem.
  3. Então monte o roteiro e vá fazendo as reservas de hospedagem e passeios conforme o tempo disponível.

A seguir deixo mais links sobre essa mesma região ou experiência.

^ Voltar início ^

Você está em INICIAL » BRASIL » PERNAMBUCO » FERNANDO DE NORONHA » Fernando de Noronha, um arquipélago em meio ao Atlântico
quero dicas do Brasil
Author Vanessa Brentano

Vanessa Brentano é farmacêutica, aventureira e insaciável por conhecer novas culturas e lugares.

4 Comentários

  1. Parabéns pela dicas de Noronha, foste muito fiel a tudo que este paraíso nos proporciona. Já fui para lá e planejo voltar logo para fazer o mergulho de cilindro. Mergulhar em Atalaia me deixou muito inspirada para curtir as belezas do nosso mar mais profundo. Recomendo a todos os casais curtirem Noronha no mínimo uma vez na vida, é sensacional!!! Por isso, depois de 11 anos de namoro, escolhemos este lugar deslumbrante para nosso noivado e início desta nova etapa de nossas vidas!!!

  2. ola vanessa que lindo este lugar ,tuas dicas estão ótimas,tudo muito bem explicado.fiquei com vontade de comer o peixe eheh.abçao do alex

Deixe seu recado, escreva algo