Foz eco radical


Entre as novidades de Foz do Iguaçu, uma boa surpresa foi descobrir uma região que está se tornando polo em esportes e turismo de aventura. Além de oferecer diversas opções para turistas, é cenário para a Meia Maratona das Cataratas, já foi casa de alguns importantes campeonatos internacionais e será sede do X-Games nos próximos três anos.

turismo de aventura nas Cataratas
O visual da Maratona (site Meia Maratona das Cataratas)

 

Desconfio que o vertedouro da Itaipu será pista de skate
Desconfio que o vertedouro da Itaipu será pista de skate

No embalo da Meia Maratona das Cataratas, realizada no último domingo, aproveito para contar a revolução que está acontecendo na cidade famosa por ter as Cataratas do Iguaçu e Itaipu. Agora também será conhecida como destino deesportes radicais e de eco aventura. Desde maio, Foz do Iguaçu vive a euforia de ser uma das sedes do X-Games, maior campeonato mundial de esportes radicais. Competiu com cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Sydney, Moscou, Lisboa e Dubai.

A trilha do Poço Preto pode ser feita em bicicleta
A trilha do Poço Preto pode ser feita em bicicleta

 

Rappel (site Trilhas e Aventuras)
Rappel (site Trilhas e Aventuras)

Turismo de aventura em Foz do Iguaçu

Já faz tempo que qualquer turista aventureiro encontra atrações como arvorismo, canoagem, cascading, escalada, rafting, rapel, tirolesa e trilhas a pé ou de bicicleta. O problema é que ele só descobre quando chega lá e o tempo, geralmente, só está reservado para as Cataratas e as compras no Paraguay. Aconselho mudar o seu conceito sobre o lugar, ficar mais tempo ou, faça como eu, volte várias vezes. Ainda não consegui aproveitar tudo, mas já fiz a trilha do Poço Preto, um safari ecológico pela mata atlântica por meio de caminhada, bicicleta e caiaque no rio Iguaçu.

Canoagem no rio Iguaçu
Canoagem no rio Iguaçu

 

O início da Trilha do Poço Preto
O início da Trilha do Poço Preto

Pretendo fazer todas essas: o arvorismo tem obstáculos entre 4 e 8 metros de altura e termina com a tirolesa de 25 metros; a escalada pode ser em muro ou rocha entre 10 e 30 metros do chão, o cascading é feito no salto do Macuco, uma cachoeira de 25 metros; o rafting é de nível médio pelas corredeiras do rio Iguaçu entre Brasil e Argentina; o rapel tem descida de 55 metros e todos vem com alguma trilha. Dá para passar um final de semana de pura adrenalina.

Nas corredeiras das Cataratas
Nas corredeiras das Cataratas

 

Esportistas treinando em Itaipu
Esportistas treinando em Itaipu

A Itaipu é uma grande incentivadora de ações esportivas. Além de apoiar os eventos da cidade, criou o Canal Itaipu. Um trecho especialmente preparado para prática de canoagem de rodeio, rafting e slalom. Faz parte do Canal da Piracema, localizado dentro do complexo. Segundo a Confederação Brasileira de Canoagem, é considerado um dos melhores lugares do mundo para a prática desses esportes. O canal virou local de treino e competições para a Seleção Brasileira de Canoagem.

Canal Piracema
Canal Piracema

Tome Nota

Os X-GAMES – ou Extreme Games – são produzidos pelo ESPN, canal americano de esportes. Os jogos são a olimpíada de esportes radicais com disputas de moto, rally, skate e bike BMX.

Quiosque de aventuras no lado argentino
Quiosque de aventuras no lado argentino

MEIA MARATONA DAS CATARATAS faz parte do circuito de ouro do Brasil, um percurso de 21 km que teve participação de mais de 2,3 mil atletas. Em 2013 vai acontecer em junho, dentro das programações da Semana do Meio Ambiente.

Dentro do PARQUE NACIONAL DO IGUAÇU as opções de turismo de aventura são com as empresas Macuco Ecoaventura, Macuco Safári e Cânion Iguaçu. O parque funciona das 9h às 17h.

Cruzando a fronteira, o PARQUE NACIONAL DEL IGUAZÚ tem sugestões de trekking e safaris.

Aberto das 8h às 16h.A LOUMAR TURISMO é o melhor receptivo local para organizar todos esses passeios.

Minha cara de quero mais, não quero ir embora!
Minha cara de quero mais, não quero ir embora!

Fotos de Roberta MartinsAnna MartinelliDaniella Mendes Maurício Oliveira. 

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Roberta Martins

Comunicadora, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 15 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e aventura. Saiba mais na página da autora. Encontre no Instagram

Deixe seu recado, escreva algo