Martinelli

Edifício Martinelli, o primeiro arranha céu de São Paulo


No início do século passado, o italiano Giuseppe Martinelli tinha o sonho de construir o prédio mais alto da América Latina. Ele conseguiu! O ano era 1929 e a localização bem no centro de São Paulo.

O Edifício Martinelli passou da polêmica ao apogeu, chegou à decadência e ressurgiu em 2013 como atração turística na cidade. Depois de uma pausa para reforma, reabriu aos visitantes em abril de 2019 e continua sendo o ponto mais legal para ver São Paulo do alto.

O texto continua após os serviços recomendados no destino.

Nota do editor: aqui no Territórios, nossa prioridade é fornecer aos leitores as informações necessárias para tomar decisões sobre viagens, além de inspiração e conhecimento. Este não é o melhor momento para turismo presencial, mas estamos compartilhando dicas que podem ser úteis em viagens essenciais que precise fazer.
De qualquer forma, pode ser agradável planejar uma viagem futura ou aprender algo lendo nossas experiências. Continue conosco.

Pretende alugar um carro? Veja na Rent Cars

Atualmente administrado pela Prefeitura, a construção é sede de algumas secretarias o oferece visitas guiadas gratuitas ao terraço. O prédio é enorme e parece ser lindo por dentro, mas a visita se limita à portaria, elevador e terraço. Embora não tenha mais o título de “construção mais alta de São Paulo”, sem dúvida é a mais charmosa pela história e arquitetura envolvida.

+ Saiba onde mais ver São Paulo do alto

Leia a seguir o texto original da minha primeira visita e o vídeo de 2013. E ao final os horários de visitação e endereço.

Visita guiada ao Edifício Martinelli

Martinelli, o primeiro arranha céu da América Latina
Primeiro arranha céu da América Latina
Arquitetura do prédio vista do Terraço
Arquitetura do prédio vista do Terraço

Subir no terraço para ver a vista e ouvir a história era um dos passeios que ainda faltava fazer na capital e finalmente rolou no dia do aniversário da cidade. Para minha surpresa, em um sábado. Porque tinha conhecimento do funcionamento ser apenas durante a semana. Felizmente eles abriram para celebrar a data com São Paulo. E já aconteceu de ter bares, em edições especiais de verão, patrocinados por marcas de bebida. Vale sempre conferir a programação.

Lá em cima vemos a cidade por outro ângulo e em 360 graus. Em dias limpos dá para ver o Pico do Jaraguá, a Avenida Paulista e aquele mar de prédios infinitos. Além das pessoinhas correndo lá em baixo e construções famosas como a Praça da Sé, Vale do Anhangabaú, Edifício Itália, Farol Santander (antigo Banespão) e outros.

Conheça o Sky Costanera, o atual prédio mais alto da América Latina

viver em São Paulo
Vista para o centro de São Paulo até os limites da cidade

A visita guiada dura menos de uma hora e é uma aula de história. Edson Cabral, guia que trabalha no prédio há 15 anos, responde perguntas e conta todos os detalhes com muita simpatia. Veja trechos no vídeo abaixo e se motive para ver e ouvir tudo pessoalmente.

ENCONTRE HOTEL EM SÃO PAULO

Primeira impressão na entrada do Martinelli

Vista do Edifício MartinelliMirante do Edifício Martinelli

Tome Nota

O Edifício Martinelli ocupa praticamente uma quadra no centro de São Paulo e tem algumas vias de entrada. Entrei pela Av. São João, 11 a 65.

Para fazer a visita guiada (grupos de até 15 pessoas), basta chegar na portaria do prédio com antecedência nos horários disponíveis: de segunda a sexta às 11h, 13h30, 15h30 e 17h30; sábados, domingos e feriados às 11h, 12h, 13h, 14h30, 15h30, 16h30, 17h30 e 18h30. É grátis!

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

INICIAL » BRASIL » SÃO PAULO » SÃO PAULO » Edifício Martinelli, o primeiro arranha céu de São Paulo
quero dicas do Brasil
Roberta Martins

Roberta Martins

Publicitária, geradora de conteúdo sobre turismo, idealizadora deste site, fotógrafa e guia de turismo. Há 14 anos relata suas experiências de viagem focando em cultura e ecoturismo. Saiba mais na página da autora.

Deixe uma resposta