Banhado pelo Oceano Pacífico e rodeado de montanhas, Vancouver é a principal metrópole da Columbia Britânica, no oeste canadense. Além da colonização inglesa e da influência de suas primeiras nações (no Canadá não se usa o termo índio), a cidade recebeu ao longo dos últimos dois séculos imigrantes vindos do Japão, China, Índia e Itália, que atribuíram uma atmosfera multicultural à Vancouver. Tal ar cosmopolita parece se renovar a todo momento, graças ao contingente numeroso de jovens, especialmente de origem asiática, mexicana e brasileira, que chega em busca do aprendizado da língua inglesa.

Vancouver

As opiniões expressas pelos viajantes colaboradores são próprias e nem sempre refletem o pensamento do Territórios. Conheça a autora ou deixe um comentário.

Em 2010, fui um desses intercambistas e morei nela por pouco mais de dois meses, entre maio e agosto.

Considerada uma das cidades com melhor qualidade de vida do mundo, Vancouver oferece inúmeras opções de lazer e entretenimento, apoiada por um sistema de transporte público eficiente. Mesmo o clima úmido e chuvoso característico, que conferiu o simpático apelido “raincouver”, parece impedir de seus moradores aproveitarem a cidade.

Inscrição para receber dicas da América do Norte por e-mail

Por dentro da história

Para conhecer Vancouver e suas origens, caminhe em Gastown, especialmente na Water Street, rua que traz as edificações mais antigas e o emblemático relógio de vapor, que avisa a passagem das horas tocando música. É aqui que estão as principais lojas de souvenires da cidade e é possível adquirir também alimentos feitos à base do maple, famoso símbolo canadense. Experimente os biscoitos, sorvete e especialmente panquecas com a calda de maple por cima. É uma delícia!

Próximo dali, há apenas quatro quadras acima, visite o ice cream and pancakes with maple syrup. Yummy! Em mais quatro quadras, visite Vancouver Art Gallery, – principal museu da metrópole e que traz, além de obras de arte contemporânea, um registro precioso de uma das maiores artistas do Canadá, Emily Carr (1871-1945). A pintora e escritora, que nasceu em Victoria, capital da Columbia Britânica, foi a pioneira em retratar a cultura dos primeiros habitantes do país.

Fachada do Vancouver Art Gallery
Fachada do Vancouver Art Gallery

ENCONTRE HOTEL NA CIDADE

Atividades para todas as estações do ano

Sim, Vancouver têm atividades para todos os climas. No inverno – não tão rigoroso como em outros locais do Canadá –, as escolhas podem recair para o esqui e o snowboard, praticados muito perto, em Grousemountain e que de quebra proporciona ainda uma bela vista da metrópole. Um pouco mais distante, mas não menos charmosa, a estação de Whistler é outra sugestão para uma visita. Aqui, no verão, o esqui dá lugar para o Mountain Bike, praticado em toda a sua radicalidade possível.

Outra programação típica de inverno é assistir aos jogos do Vancouver Canucks, o time de hóquei no gelo da cidade e que participa da NHL, a principal liga do esporte na América do Norte. O hóquei, diga-se de passagem, representa para os canadenses o mesmo que o futebol é para nós, brasileiros. Por isso, tente ir em um de seus jogos. É sensacional!

Clique aqui se as imagens não aparecem no seu celular. Será direcionado para site parceiro do Territórios.

Vancouver têm atividades também no verão

Na estação quente do ano, com a chuva dando uma trégua, o legal é ir para alguma das praias que a cidade oferece. English Bay, que recebe um famoso festival de fogos de artifício no mês de julho, e Kitslano, que conta com uma infraestrutura gratuita para praticar voleibol, basquetebol, entre outros esportes. Também há nele piscinas públicas à disposição dos visitantes, com águas não tão geladas como as do mar.

Praia de Kitslano
Praia de Kitslano

Tome Nota

O serviço de transporte público é eficiente e moderno. Você pode conferir os horários, entre outras opções, em: Translink. No entanto, fique atento que os transportes (metro, catamarã, ônibus) não funcionam durante as 24 horas, com exceção de algumas linhas de ônibus chamadas de nightbus.

Há diversas opções para fazer compras. As melhores estão na Robson Street, que traz lojas de algumas das marcas canadenses e mundiais, e o Pacific Center. Na cidade de Burnaby, ao lado de Vancouver, acessível facilmente por meio de metrô e ônibus, há o Shopping Center Metrotown.

A noite de Vancouver ferve, mas termina cedo para o estilo brasileiro. Por volta das 3h da manhã as danceterias encerram as suas atividades. As melhores opções estão na Grainville Street.

Como em outros lugares do Canadá, não é permitido beber álcool em lugares públicos. Há bastante vigilância da polícia para isto.

Pode-se caminhar com tranquilidade e segurança nas ruas de Vancouver. No entanto, recomenda-se evitar a Hastings Street, próximo à Chinatown. Infelizmente Vancouver sofre também para tratar de seus dependentes químicos e eles ficam concentrados nessa rua, podendo ser ríspidos com turistas.

Quando estive no Canadá, criei um blog que traz todas as experiências vividas por lá, principalmente em Vancouver. Ainda está ativo.


Stanley Park
+ Leia sobre um dos maiores parques do mundo

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Territórios é afiliado e ganha comissão por clique ou reserva consolidada. Mas você não paga nada a mais por isso e ainda colabora com o nosso trabalho de curadoria de conteúdo. 

Você está em INICIAL » CANADÁ » Vancouver, um caleidoscópio de emoções e culturas
Author Carol Leal

Jornalista, doutora em Ciências Sociais pela PUC-RS. Não se considera uma mochileira, mas nem tão pouco uma "piriguete dos embarques"... podemos dizer que planejamento e pechincha em viagens é com ela mesmo. Seis meses antes já tem tudo programado: da passagem reservada ao mergulho cultural para não fazer feio nas interações. Claro que isso não evitou uma série de "pagações de mico" e outras histórias hilárias, o que deu um tempero extra às diversas aventuras. Para Carol, viajar é como uma terapia... é um encontro com o auto-conhecimento, de vislumbrar novas sensações, experiências e amizades para toda a vida.

3 Comentários

  1. Olá!Estou planejando um intercambio de 3 semanas para Vancouver e estou na dúvida em relação a epoca que irei (abril ou maio), pois gostaria de conhecer as montanhas com neve e também poder andar na rua sem morrer congelada!Agradeço se puder me ajudar de alguma forma!

    • Olá Clara

      Ainda não conheço o Canadá, mas falei com nossa colaboradora e outra amigos que morou anos lá e elas dizem ser possível ver neve nas montanhas até abril. E é preciso ir até as montanhas para ver de perto. Olha a resposta:

      Abril geralmente ainda tem neve mas a tempodada de sky já acabou. A temperatura fica em média nuns 15 graus. Maio a neve é mais escassa, tem ano que já acabou mas a temperatura sobe pra perto dos 20. Dependendo de onde a pessoa é vai congelar em abril. Minha mãe que estava morando no Maranhão quase teve um troço, mas não se compara com dezembro a fevereiro. Outra coisa pra ter em mente é que abril chove um pouco mais que maio, no geral. Em qq época exceto julho corre-se o riscomde pegar 3 semanas de chuva.

  2. LEGAL AS DICAS E FOTOS, O VÍDEO NÃO COMBINA (PELO MENOS EDITA UM POUCO), ESTÁ DE PÉSSIMA QUALIDADE.

Deixe seu recado, escreva algo