O mergulho no Poço Azul é um passeio imperdível para quem conhece a Chapada Diamantina. Uma caverna inundada por águas cristalinas onde, mesmo com a profundidade chegando a 16 metros, é possível ver a formação rochosa no fundo.

Read in English

O texto continua após os serviços recomendados no destino.

AGILIZE SUA VIAGEM
Alugue carro na Rent Cars

Contrate passeios em Lençóis, Morro de São Paulo, Praia do Forte e Salvador

Custa quase nada fazer o seguro viagem nacional

16 metros de profundidade e visibilidade garantida
16 metros de profundidade e visibilidade garantida

Poço Azul

Por Leandro Gabrieli ℹ︎

As opiniões expressas pelos viajantes colaboradores são próprias e nem sempre refletem o pensamento do Territórios. Conheça o autor ou deixe um comentário.

Depois de 6 dias de trilhas pela chapada, nosso último dia de viagem foi um mergulho no poço. Não poderia ter sido melhor, fechou nossa aventura com chave de ouro. A impressão que tivemos foi estar em outro mundo, era difícil acreditar na beleza que estava em frente de nossos olhos.

Tivemos sorte de entrar próximo ao meio-dia, bem no momento que os raios do sol entram por uma fenda da gruta deixando o poço com um tom azulado fascinante. A água é tão transparente que as pessoas parecem flutuar. 

Poço Azul, Chapada Diamantina, Bahia - Brasil
Feixe de luz deixa a água com tom azulado e a melhor hora para vê-la é perto do meio-dia

Cada grupo, de mais ou menos 12 pessoas, pode ficar em torno de 25 minutos no poço. Naquele dia não tinha nenhum depois do nosso e a diversão durou muito mais tempo.

O mergulho tem que ser sem gritos, pois o silêncio ali dentro é obrigatório. Movimentos bruscos sobre a água também não são permitidos, por isso recebemos coletes para apenas flutuar. Tudo isso para preservar o local onde já foram encontrados fósseis de animais pré-históricos.

Parece que os peixes estão fora d'água e os humanos não, mas é tudo dentro do Poço Azul+ Mergulhe no azul da Chapada das Mesas

O sitio paleontológico

A descoberta deste sitio paleontológico foi em 1995, quando mergulhadores encontraram um crânio de uma preguiça gigante. A partir desse momento, uma equipe de mais de 30 pessoas se reuniu e gravou um documentário. Eles retiraram do poço um esqueleto completo de uma preguiça gigante que habitava as Américas há cerca de 11 mil anos. O animal chegava a medir 6 metros e pesava em torno de 5 toneladas. Assistimos este documentário no hotel, chamado “O Mistério do Poço Azul” de Tulio Schargel e Mauricio Dias e produzido pela Mixer.

Diversão com fotos em baixo da água
Diversão com fotos embaixo da água

O Poço tem 80 metros de extensão, com duas cavernas de 20 m², onde já foram encontrados fósseis de mais de 14 espécies diferentes. Porém a flutuação pública só é permitida na parte da frente e não pode mergulhar até o fundo.

quero dicas do Brasil
O acesso ao Poço Azul
O acesso ao Poço Azul
Lagunas Escondidas+ Lagunas Escondidas para se surpreender

Tome Nota

Melhor época: de abril a dezembro, quando o raio de sol incide diretamente na água.

Como chegar: o acesso é pela estrada Itaetê, Km 47 – Andaraí.

O poço não está dentro da área do Parque Nacional e, para visitá-lo, é preciso pagar ingresso. Veja o tour Poço Azul + Poço Encantado.

O sítio, onde está localizado o poço, tem boa estrutura oferecendo restaurante e banheiro. São poucos metros de trilha mais uma escada até chegar a um píer construído dentro da caverna, ali se recebe os coletes e as máscaras para o mergulho. Equipamentos disponíveis para alugar.

Dica: Entre para o Clube de Benefícios Gear Tips e ganhe desconto nos passeios da Chapada Diamantina.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Você está em INICIAL » BRASIL » BAHIA » CHAPADA DIAMANTINA » Mergulho no Poço Azul
quero dicas do Brasil
Author Leandro Vettorazzi Gabrieli

Co-fundador do Territórios versão 2010-2013, fotógrafo amador, empresário e entusiasta de tecnologia. Combina o hobby de viajar com a paixão de fotografar, principalmente animais. Parceiro para tudo, não precisa perguntar duas vezes para fazer uma aventura ou indiada. Se você encontrar com ele em uma viagem certamente estará com sua mochila nas costas e sua Nikon na mão. | Siga no Flickr

5 Comentários

  1. Pingback: 7 posts porretas com encantos da Bahia, para mainha e painho nenhum colocar defeito - Rodando Pelo Mundo

  2. Naian Belvino da Costa Responder

    Ao ver e ler a minha sensação é sempre de perflexidade. A natureza aqui no Brasil é exuberante e poucas pessoas tem a consciência de preservar e preservar sempre.

Deixe seu recado, escreva algo

Rotas para voar no RS agosto Sonhos