Quando pensamos em fazer intercâmbio, seja de um mês ou um ano, sempre achamos que é difícil ou que o nosso tempo é muito curto. Bom, pelo menos este era o meu caso, pois sempre quis fazer um avanço na fluência em inglês e nunca tinha tempo para um intercâmbio.

Atenção! Turistas provenientes do Brasil são obrigados a fazer quarentena de 14 dias em algum dos países permitidos antes de entrar nos EUA devido à pandemia Covid-19.

Nota do editor: Este não é o melhor momento de viajar para fora do Brasil, mas pode ser agradável planejar uma viagem futura ou aprender algo lendo nossas experiências. Continue conosco!

Leia todos os artigos sobre os Estados Unidos
+ Saiba onde nos hospedamos
+ As estradas americanas são ótimas para alugar carro
+ Economize tempo e não pague IOF comprando ingressos na Civitatis ou saiba como funciona

Raul passando frio no intercâmbio em NY
Passando frio

Intercâmbio em Nova York

Por Raul Botelho ℹ︎

As opiniões expressas pelos viajantes colaboradores são próprias e nem sempre refletem o pensamento do Territórios. Conheça o autor ou deixe um comentário.

No início de 2013, resolvi mudar este paradigma e me matriculei em um curso de inglês em Nova York por três semanas, período das minhas férias, e então descobri que é possível fazer um curso parcial a partir de uma semana e ter um bom resultado.

Times Square
Times Square

É claro que o aprendizado diminui conforme o prazo, mas a experiência de conviver com outros alunos, sair para almoçar juntos, ir a teatro e também fazer outros passeios turísticos com os colegas, ajuda e muito a melhorar a fluência e amplia bastante os horizontes. Nesta experiência tive a oportunidade de dividir apartamento com um italiano que morava na divisa com a Áustria e ainda conhecer pessoas da Korea, Japão, Espanha e Alemanha durante o curso.

Colegas de curso no intercâmbio
Colegas de curso

Para se hospedar, as opções são casa de família, hospedaria de estudantes com vários alunos no quarto ou apartamento para duas pessoas. Todas estas opções são oferecidas pela própria escola com segurança.

Raul turista na Brooklin Bridge durante intercâmbio em NY
Brooklin Bridge

Logo quando se chega, os responsáveis pela escola fazem um teste de proficiência na língua e encaminham o aluno para a classe mais adequada, onde literalmente se pega o bonde andando, pois as aulas são contínuas e passamos a fazer parte da turma daquele momento em diante. A primeira sensação é de pânico, mas depois a coisa se ajeita e o inglês flui, pois o teste é bem feito e geralmente se é colocado numa classe onde é possível acompanhar a turma.

Artista de Rua
Artista de Rua

O ideal quando o propósito é fazer um curso de idiomas numa viagem, é fugir dos nossos compatriotas, pois quanto maior for o esforço para se falar apenas o idioma que se está estudando maior será o aproveitamento no curso, seja ele de que período for.

Pianista de Rua
Pianista de Rua
+ Leia descobrindo a cidade com locais

Turismo em Nova York

Claro que a outra coisa bacana do intercâmbio é fazer turismo no período em que não se está estudando. Afinal, as aulas costumam ter duração de 4 horas e ficamos com o outro período livre para passeios. E andar em NYC é muito fácil, a cidade é bem plana e muito bem servida pelo metrô.

Guggenhein
Guggenheim

Os passeios mais comuns em NYC são a visita ao Central Park e aos museus que rodeiam o parque, neste trecho temos o Metropolitan, o Natural History, o Guggenhein e o Art & Design além do MoMA que fica a poucas quadras.

Garanta já os seus ingressos para museus

Natural History Museum
Natural History Museum
Empire State
Empire State

Andando pela 5a Avenida podemos conhecer as lojas das marcas mais famosas do mundo. É  um convite ao consumo que os americanos adoram. Na mesma avenida ainda é possível visitar San Patrick’s Cathedral, Rockfeller Center e Empire State. Este último construído em apenas 410 dias. Por mais de 40 anos carregou o título de prédio mais alto do mundo com seus 102 andares.

Entrar na loja da Apple da rua Prince é demais+ Dicas para compras em NY

E ainda como locais obrigatórios, tem Central Station, Ponte do Brooklin, Wall Street, Times Square, Soho, West e East Village. Entre outros tantos lugares onde é possível se divertir muito nesta cidade que nunca dorme.

Grand Central Station
Grand Central Station

Tome Nota intercâmbio

A melhor época para se fazer um curso são nos meses de inverno quando o custo é mais barato. No verão os valores aumentam quase 30% tanto no curso quanto na hospedagem.

Pode-se fechar o curso através de agências especializadas, mas fica mais barato fechar direto com a escola. É bom fazer uma pesquisa antes com depoimentos de ex-alunos.

Quando fiz meu curso fechei direto com a Rennert e fiquei bem contente com tudo, desde o atendimento quanto ao resultado.

© Todos os direitos reservados. Fotos e relato 100% originais.

Para quem chegou até aqui, agradecemos por valorizar o nosso conteúdo. Diferente das grandes corporações de mídia, Territórios é independente e se financia por meio da sua própria comunidade de leitores e ouvintes. Você pode apoiar o nosso trabalho de diversas formas como:

1. Aproveitar os benefícios do financiamento coletivo

2. Levar nossos guias de viagem no celular

3. Contratar produtos e serviços recomendados através dos links nos artigos. Exemplos e como fazer: alugar veículos, reservar hospedagem e excursões, comprar seguro, chip internacional e moeda estrangeira, entre outros. A venda nos gera uma comissão sem aumentar o valor final, inclusive, repassamos os descontos para você.

A informação foi útil? Talvez queira apoiar e fazer parte da comunidade Territórios!

Compartilhe ideias e converse com outros leitores no grupo no Facebook ou acompanhe no Spotify e grupo de avisos do Whats App.

Você está em INICIAL » ESTADOS UNIDOS » NOVA YORK » Intercâmbio: estudando em Nova York
Author Raul Botelho

Apesar de ser nascido em uma cidade pequena, no interior do estado de São Paulo, tive a oportunidade de conhecer várias cidades ainda muito novo, pois meu pai era motorista de caminhão e eu sempre aproveitava pra viajar junto, quando possível. Hoje percebo que foi nessa época, ainda criança que descobri a paixão por viagens, por novos lugares, novas pessoas e diferentes costumes. | Siga no Instagram

1 Comentário

  1. Jeferson Gomes Responder

    Queria muito fazer um curso, mais espero que para eu ter essa experiência não vai demorar, logo mais vou ter uma boa condição financeira para realizar meu desejado sonho. 😀

Deixe seu recado, escreva algo

Chile aberto para brasileiros Rotas para voar no RS agosto